sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Raphaela?! voltou!

Há quantos meses!!
Agora estou de volta... saudade de vocês! Demorei muito pra acessar também, porque tive uns problemas com essa conta. Mas agora a recuperei! Tudo bom com vocês? Eu estou muito bem! Esse ano foi perfeito, muito perfeito. Fiz muitos contatos, muitas amizades, muitas mesmo. Vestibular? bem, infelizmente esse não foi o meu ano... não estudei como devia, me atrapalhei por causa do 3° ano e o resultado foi a não aprovação. Não saiu o resultado ainda, mas eu sei que não deu. Mas tudo bem!  2012 sem o 3° ano, vou me dedicar exclusivamente ao vestibular. Então, não há o que temer ou lastimar, não é mesmo? 
Vocês  poderiam me sugerir se eu devo apagar todas, ou quase todos os meus poemas e fazer um blog de poesias sendo que mais alegres e da minha vida? Porquê, graças a DEUS todo aquele tormento passou, as vezes vem, mas passou, não é horrível como antes. E aí? comentem, por favor! beeijos, boa noite e FELIZ 2012! Em janeiro eu volto, prometo!! :D

domingo, 10 de julho de 2011

É (:

Estou passando por aqui pra dizer que não morri.  hahuhauhauha
Faz tempo que não escrevo poesia, porque também faz tempo que não fico triste.
Só faço poesia quando estou triste. 
Estou tão ocupada estudando pro vestibular que nem sobra tempo para ficar triste com algo.
É sério! rs 
Mas vou tentar fazer poesias feliz agora, prometo seguidores. ^^

Me acompanhem nas redes sociais:

Twitter:  @rapha_rjpe
Facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=100002097747892
Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?rl=ls&uid=10534339005478274880

Tá. Mas porque eu estou divulgando minhas redes sociais? Isso eu também não sei .-. 
Para vocês ficarem informados de mim. Creio que seja isso. oueuoe' 
É isso! beeijos :*

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Raciocínio Lógico (Louco)

"Sinto a brisa do vento gelado.
O céu está violeta, quase um roxo...
Acho que retrata a minha alma.
Essa alma sofredora
Essa alma que cansou
Que ás vezes deseja ir embora
Essa mesma alma
É incapacitada 
Não tem coragem de resolver
Os problemas de maneira simples...
Olhei para o armário
E em um momento
De querer fugir do mundo
Apenas observei
Aquele utensílio que poderia
Salvar essa vida de tristeza
Em um segundo..." 


(Raphaela Nascimento de Carvalho)

Ligação raivosa


"Estava tão bem há 5 segundos...
Me sentia tão confiante, alegre
De bem com a vida e determinada...
Até que uma ligação me fez desmoronar, meu mundo caiu.
Minha alma e meu coração
Estavam em pedaços caídos no chão de barro.
Meu ódio era imenso, ia da alma
Passava pelo sangue e chegava pulsando ao coração.
Mas, em contra partida minhas lágrimas eram poucas.
Nesta vida já chorei tanto, que as lágrimas
Se foram."


(Raphaela Nascimento de Carvalho) 


quinta-feira, 7 de abril de 2011

Não sei...



"Não sei.
Não sei o que pensar, como agir...
É tão estranho, esse turbilhão de sentimentos que me inunda.
Sentimentos os quais, não sei descrever.
Me pego distraída,olhando pro nada e pensando no "vazio".
Esse "vazio" bonito,um "vazio" que me deixa hipnotizada
De vez enquando.
E esse mesmo "vazio" me confunde diversas vezes
Por isso prefiro e repito:
Não sei..."

(Raphaela Nascimento de Carvalho)

quarta-feira, 9 de março de 2011

Verso simples

 












"Não sei mas como pensar
Não sei mas como agir
Meus pensamentos flutuam ao luar
E me condicionam a uma vida rotineira."

(Raphaela Nascimento de Carvalho)

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Verso Singelo




"Teus olhos são uma dádiva
Teu sorriso é tão
Singelo e gracioso
Como uma simples
Flor de lís..."


(Raphaela Nascimento de Carvalho)

Sonhos.



"Sonhos de vendaval...
Sonhos reais e possíveis
Verdadeiramente verdadeiros...
É o sonho real...
Que consome todo o meu ser
Que alimenta a alma
Que fortalece a vida.
O sonho...Doce desejo
Que almejo todos os dias
Todos os tempos
Todas as épocas...
É o sonho."


(Raphaela Nascimento de Carvalho)